Sinal digital e o analógico, qual a diferença?

Sinal digital e o analógico, qual a diferença?

Muito se fala da diferença entre os sinais, mas você sabe a diferença?

A transmissão de TV digital veio para melhorar a qualidade do sinal da TV aberta. No Brasil, teve-se a primeira transmissão de TV em sinal digital em 2007. Contudo, se você ainda não entende as diferenças entre as tecnologias, não se preocupe que neste artigo você saberá tudo sobre a diferenças dos sinais. Continue lendo.

O sinal analógico

O sinal analógico em resumo é uma onda contínua que varia em função do tempo.

Este tipo de sinal oscila bastante e tem queda em qualidade, visto que o sinal trafega por uma frequência muito grande. Ou seja, o sinal ocupa mais espaço e oferece menos conteúdo, o que dificulta na otimização dos recursos de telecomunicações.

O sinal digital

Este sinal tem uma complexidade maior, pois apresenta mais precisão, menos custos e mais tempo de processamento.

A principal vantagem deste sinal é a precisão, visto que é mais preciso que o sinal analógico, onde ganha-se qualidade de som e imagem. Vale salientar que os custos e o tempo para processamento de dados também são menores. Portanto tornou-se a melhor opção.

Afinal, qual dos dois sinal é mais indicado?

Visto que são dois sinais totalmente diferentes, o digital é considerado atualmente como o melhor sinal. É também o sinal destinado à banda larga móvel, permitindo a ampliação das redes 4G em todo o país. 

Além disso, é extremamente benéfico o digital, todas as emissoras de TV já migraram o seu sinal para o digital, garantindo a melhor qualidade de som e imagem.

Quer conhecer os equipamentos que transformam a sua TV com alta qualidade de som e imagem? Acesse aqui.

E ai, gostou?

E aí, gostou? Leia mais de nossos conteúdos aqui.

por

Compartilhe com seus amigos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Close Bitnami banner
Bitnami